Skip to content

Intemperança

terça-feira, janeiro 8, 2008

O assunto muito pouco tem a ver comigo e não falo por inveja ou recalque. Trata-se de futebol e, neste assunto, qualquer comentário é livre e fácil, ainda que imediatamente taxado de “flauta” ou “choro”, dependendo de onde e como parta. Mas cada vez me convenço mais de que uma das propridades intrínsecas ao coloradismo é a capacidade de descolar os fatos de suas reais significâncias. Digo isso motivado pelo foguetório e buzinaço de ontem, barrocamente decorado com a profusão de camisas “vermelhas” de hoje, dando a impressão para o restante da cidade de que novamente temos em Porto Alegre o campeão do mundo. Encontrei-me numa indecisa confusão. Torneio de pré e inter-temporada, quatro clubes na ilha da fantasia que é Dubai. Pois bem, pensei, qual o motivo da euforia? Vencer a Internazionale, sem dúvida um grande feito, apesar da squadra italiana dar de ombros para o resultado. A provar meu raciocínio a presença de quatro jogadores primavera, aspirantes ao time principal, e a saída de Ibrahimovic antes da metade do segundo tempo. Tenho outros tantos argumentos acerca da intemperança colorada, podendo traçar, por exemplo, comparativo com o co-irmão, como gostam de dizer, em torneios similares, mas já isso seria desnecessário, imagino. Apelo apenas para o bom-senso vermelho. Protestem, invoquem meu gremismo a me impelir esse protesto, mas, por favor, não façam da Dubai Cup mais do que ela realmente é.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: