Skip to content

Paolo Maldini, lenda

segunda-feira, dezembro 17, 2007

Grande amigo disse aqui que não acha correta a “romantização” de meros portadores de 46 cromossomos e me pego pensando nessa colocação sempre que elogio alguém. Falávamos de Che, mas falo agora de Paolo Maldini. Já frisei meu amor pela Juventus e faço questão de frisar sempre (já que temos natural estranheza com quem tem suas predileções distantes, ainda mais no futebol), mas penso ser justo tecer loas a esse zagueiro de 40 anos do Milan. Maldini, assim como seu pai, fez e é a própria história do clube. Ambos, o clã Maldini e Milan, saem beneficiados, um fazendo a grandeza do outro. Tenho para mim que Maldini não seria o que é jogasse por outro clube e o Milan perderia muito de sua aura e identidade. O zagueiro chega ao fim de sua longa carreira no próximo mês de julho, deu três títulos europeus e mundiais ao seu clube, joga com uma elegância e eficiência ímpares e consagra-se como o mais vitorioso capitão entre os clubes. Nas futuras pesquisas sobre o grande Milan, se verá sempre a foto de Maldini erguendo os muitos troféus rossoneri. Não é Beckenbauer, Matthäus, Bobby Moore ou seu conterrâneo Scirea — nem tem mais de 46 cromossomos —, mas é quase uma lenda.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: