Skip to content

Pronto para o jazz

quarta-feira, janeiro 17, 2007

:: MILES DAVIS
:: IN A SILENT WAY
:: Columbia
:: EUA, 1969
:: 38 min.

Fato é que eu não estava pronto para o jazz. Talvez agora esteja. Há significância no que escuto, os sons remetem a um bom aspecto daquele país que se autoproclama America e, mais do que tudo, permite a satisfação como poucos sons são capazes de fazer. Não temo em afirmar que, tal qual aconteceu a quem escreve, In A Silent Way, disco que Miles Davis concebeu em meio à tempestade criativa de fins da década de 1960, seja uma excelente apresentação ao gênero. Duas faixas apenas, quase 20 minutos cada e uma infinidade de momentos distintos. O trompetista é marco do jazz, uma de suas pedras fundamentais. O álbum já mostra a aproximação de Miles com o estilo nascente do jazz-rock: In A Silent Way pavimentou o caminho do jazz nessa direção. É sofisticado ao mesmo tempo em que simplifica o que é complexo por natureza.

Fato é também que tudo isso carece de paciência e tranquilidade. O jazz, como um bom vinho, exige atenção e entrega.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: